SUL-AMERICANO MASCULINO DE CLUBES: De virada, Sada Cruzeiro é bicampeão

cruzeiro_volei_campeao03

O Sada Cruzeiro (MG) é bicampeão sul-americano de clubes. Neste sábado (23.02), em uma partida extremamente disputada, a equipe celeste conseguiu uma grande virada e venceu o UPCN, da Argentina, por 3 sets a 2 (23/25, 23/25, 25/20, 25/19 e 18/16), na Arena Vivo, em Belo Horizonte (MG). As duas equipes garantiram vagas no Mundial de clubes que será disputado em Maio, no Brasil.

O oposto Wallace foi eleito o melhor jogador da competição. Para o atacante, a equipe celeste mostrou um grande espírito de luta para conseguir virar o marcador no confronto.

“Sabíamos que não seria fácil. A UPCN jogou muito bem, o saque deles estava funcionando e não nos apresentamos bem no início. No entanto, nunca desistimos e essa é a força do nosso time. A partir do terceiro set nosso saque passou a funcionar e as coisas mudaram. O grupo está de parabéns”, disse Wallace.

O levantador e capitão do Sada Cruzeiro, William, elogiou a postura do grupo celeste. “Estou feliz com o resultado. Os dois times dessa final estão acostumados a disputar títulos. Mesmo nas dificuldades nunca deixamos de acreditar. Esse jogo foi um grande aprendizado e o resultado é a prova do trabalho sério que é feito no Sada”, afirmou o levantador.

Pelo lado do UPCN, o oposto Theo lamentou a derrota mas fez questão de parabenizar sua equipe pela atuação.

“Mesmo com a derrota, jogamos muito bem. Tivemos nossas chances na partida, mas o Sada Cruzeiro é uma grande equipe. A partir do terceiro set o saque deles passou a funcionar e isso nos atrapalhou, mas nosso grupo jogou bem”, analisou o atacante.

O jogo

O set começou equilibrado. Com uma bola de ataque do oposto Wallace, o Sada Cruzeiro fez 8/6. Com bom volume de jogo, a equipe celeste abriu quatro (11/7). O saque do UPCN passou a incomodar a recepção celeste e a diferença caiu para dois (14/12). Depois de um belo rally, o time argentino empatou (19/19). Com um ace do oposto Wallace, o Sada Cruzeiro abriu um (22/21). O UPCN foi melhor no final da parcial e venceu o set por 25/23.

O Sada Cruzeiro voltou melhor para o segundo set e fez 8/6. Bem na defesa e no bloqueio, o UPCN virou o marcador (12/11). O treinador Marcelo Mendez trocou os opostos. Entrou PV e saiu Wallace. A equipe argentina foi para a segunda parada técnica com dois de vantagem (16/14). O time celeste cometeu muitos erros e o UPCN abriu quatro (20/16). Com uma boa sequência de saques do ponteiro Filipe, a diferença no placar caiu para um (22/21). No entanto, o UPCN segurou a vantagem e fechou a segunda parcial por 25/23.

A terceira parcial começou disputada ponto a ponto. O UPCN tinha um de vantagem na primeira parada técnica (8/7). O oposto Theo se destacou no bloqueio e a diferença aumentou para três (11/8). Com um ace, os argentinos abriram quatro (15/11). Bem no contra-ataque, o Sada Cruzeiro encostou (15/13). Com dois pontos de bloqueio seguidos, a equipe celeste empatou (16/16). Isac cresceu de produção e o time cruzeirense abriu dois (20/18). O bloqueio da equipe da casa passou a funcionar e o Sada Cruzeiro venceu a segunda parcial por 25/20.

O Sada Cruzeiro abriu quatro no início do quarto set (9/5). O UPCN cresceu de produção e a diferença caiu para um (9/8). O saque argentino voltou a funcionar e o UPCN empatou (12/12). No segundo tempo técnico, a equipe celeste tinha um de vantagem (16/15). Bem no contra-ataque, a equipe celeste abriu dois (18/16). Com uma eficiente sequência de saques do cubano Leal, o Sada Cruzeiro venceu o quarto set por 25/19.

O Sada Cruzeiro fez os dois primeiros pontos do tie-break. Com um ace do ponteiro Leal, o time celeste fez 4/1. Com um erro do UPCN, a equipe cruzeirense abriu cinco (8/3). O saque celeste incomodou a equipe argentina e o Sada Cruzeiro fez 12/6. Neste momento, o UPCN fez seis pontos seguidos e igualou o marcador (16/16). O final do set foi extremamente disputado, mas o Sada Cruzeiro foi melhor e fechou a parcial por 18/16 e o jogo por 3 sets a 2.

EQUIPES

Sada Cruzeiro – William, Wallace, Filipe, Leal, Éder e Isac. Líbero – Serginho

Entraram: Lucas, PV e Douglas Cordeiro

Técnico – Marcelo Mendez

UPCN – González, Theo, Filardi, Olteanu, Júnior e Ramos. Líbero – Garrocq

Entraram: Fernandez, Bolina, Perez Lopes e Tell

Técnico – Fabián Armoa

SELEÇÃO DO CAMPEONATO

MVP – Wallace (Sada Cruzeiro)

Ponteiros – Leal (Sada Cruzeiro) e Rapha (Vivo/Minas)

Centrais – Isac (Sada Cruzeiro) e Ramos (UPCN)

Oposto – Wallace (Sada Cruzeiro)

Levantador – Gonzalez (UPCN)

Líbero – Garrocq (UPCN)

CAMPEONATO SUL-AMERICANO MASCULINO DE CLUBES

Grupo A
Boca Juniors (ARG)
Club Liga Nacional (PER)
UPCN (ARG)
Club Universidad La Salle (BOL)

Grupo B
Sada Cruzeiro (BRA)
Nacional (URU)
Vivo/Minas (BRA)
Club ADO (CHI)

QUARTA-FEIRA (19.02)
15h – Boca Juniors (ARG) 3×0 Club Liga Nacional (PER) (25/20, 25/17 e 25/18)
17h – Sada Cruzeiro (BRA) 3×0 Nacional (URU) (25/12, 25/12 e 25/8)
19h30 – Vivo/Minas (BRA) 3×0 Club ADO (CHI) (25/18, 25/15 e 25/15)
21h30 – UPCN (ARG) 3×0 Club Universidad La Salle (BOL) (25/10, 25/9 e 25/11)

QUINTA-FEIRA (20.02)
15h – Boca Juniors (ARG) 3×0 Club Universidad La Salle (BOL) (25/11, 25/13 e 25/16)
17h – Sada Cruzeiro (BRA) 3×0 Club ADO (CHI) (25/12, 25/18 e 25/10)
19h – Vivo/Minas (BRA) 3×0 Nacional (URU) (25/16, 25/12 e 25/10)
21h – UPCN (ARG) 3 x 0 Club Liga Nacional (PER) (25/14, 25/9 e 25/22)

SEXTA-FEIRA (21.02)
15h – Nacional (URU) 0 x 3 Club ADO (CHI) (15/25, 13/25 e 19/25)
17h – Club Liga Nacional (PER) 3 x 1 Club Universidad La Salle (BOL) (25/19, 25/27, 25/21 e 25/16)
19h – Vivo/Minas (BRA) 1 x 3 Sada Cruzeiro (BRA) (25/22, 17/25, 19/25 e 24/26)
21h – Boca Juniors (ARG) 2×3 UPCN (ARG) (22/25, 25/18, 23/25, 27/25 e 15/11)

SÁBADO (22.02)
15h – Disputa de 7º lugar Club Universida La Salle (BOL) 1×3 Club Nacional (URU)
17h – Disputa de 5º lugar Club Liga Nacional (PER) 0x3 Club ADO (CHI) (20/25, 21/25 e 25/27)
19h – Semifinal 1 Boca Juniors (ARG) 0x3 Sada Cruzeiro (BRA) (16/25, 16/25 e 19/25)
21h – Semifinal 2 UPCN (ARG) 3×2 Vivo/Minas (BRA) (22/25, 25/21, 32/30, 21/25 e 15/12)

DOMINGO (23.02)
17h30 – Vivo/Minas (BRA) 3 x 0 Boca Juniors (ARG) (25/17, 25/23 e 25/16)
20h30 – Sada Cruzeiro (BRA) 3 x 2 UPCN (ARG) (23/25, 23/25, 25/20, 25/19 e 18/16)

Be the first to comment

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: